cdl novo

Para minimizar incidentes, prefeitura vai realizar nova varredura nas Praias do Prata e Graciosa

Trabalho terá como objetivo capturar pequenos peixes e similares, incluindo arraias, para minimizar os riscos aos banhistas

RAIMUNDA CARVALHO, DA REDAÇÃO 14 de Jul de 2017 - 10h55, atualizado às 11h25
Compartilhe
Foto: Secom Palmas
Nova varredura do fundo do Lago, nas áreas delimitadas para banho, será realizada na terça-feira e quarta-feira

Uma nova varredura do fundo do Lago, nas áreas delimitadas para banho será realizada na terça-feira, 18, e quarta-feira, 19, nas Praias do Prata e Graciosa, respectivamente. De acordo com o diretor de Controle Ambiental, da Fundação Municipal de Meio Ambiente, Adriano Pinto, o trabalho será feito com uma malha mais fina, a fim de capturar pequenos peixes e similares, incluindo arraias, para minimizar os riscos de incidentes com banhistas.

“Temos insistido com a população sobre a importância de bons hábitos ao frequentar as praias, para assim contribuir com o equilíbrio natural do Lago. É importante evitar comer próximo ou dentro da água, jogar qualquer espécie de resíduo que possa atrair a atenção de peixes ou similares”, avaliou, Adriano Pinto.

O diretor chamou a atenção ainda para que os banhistas não utilizem as cercas de proteção para saltos e mergulhos, uma vez que o movimento faz com que elas sejam deslocadas de suas posições abrindo brechas para que os peixes invadam a área protegida.

A segurança e tranquilidade para os frequentadores das praias estão entre as prioridades do município, neste período de férias. Para tanto, uma ação conjunta vem mobilizando a Agência Municipal de Turismo (Agtur). A Fundação de Meio Ambiente, a Secretaria de Infra Estrutura, Serviços Públicos, Trânsito e Transporte e Secretaria de Comunicação, Corpo de Bombeiros, dentre outras, com a oferta de programação diversificada, que vai do esporte à gastronomia, passando pelo artesanato e shows artísticos.

“Porém é necessário que o cidadão seja parceiro do poder público, escolhendo hábitos sustentáveis e de proteção ambiental; evitando juntar lixo nas praias e sujar as águas”, destacou o diretor de Gestão Ambiental da FMA, Giovanni Assis.

Dicas para evitar ferroadas de arraias
No período de estiagem os acidentes com arraias tornam-se mais comuns, uma vez que esses animais vivem no fundo dos rios e lagos, repousando na areia. Com a estiagem, o fundo vira raso, daí o perigo.

Em caso de acidente, a primeira providência é lavar bem a ferida com sabão e água morna, que diminui a dor. Em seguida, procurar atendimento médico para fazer o curativo na ferida e verificar a necessidade do uso de remédios para controlar a dor e infecção.

Além de dor intensa por cerca de duas horas, aparecem muitas vezes sintomas como febre, suores, náusea, agitação e vômitos. A recuperação sempre exige o repouso.

Como evitar a ferroada de arraia?
· Andar com cuidado na água, arrastando o pé sobre a areia
· Antes de colocar o pé na água, verificar se há arraias ou marcas de sua presença na areia
· Antes de entrar na água, mexê-la com para espantar arraias que possa estar no local. (Com informações da Secom Palmas)

Comentários

Redação: Palmas, Tocantins, Brasil, +55 (63) 9 9219.5340, +55 (63) 9 9216.9026, [email protected]
2005 - 2017 © Cleber Toledo • Política com credibilidade
ArtemSite Agência Digital