Tonolucro

Cenovo quer visitar mais municípios, mas direção da AL não autoriza por contenção de despesas

Mesmo com sinalização negativa da Casa, Paulo Mourão garante realização de novas reuniões com apoio da UFT e outros parceiros

LUÍS GOMES, DA REDAÇÃO 12 de Sep de 2017 - 11h50, atualizado às 13h40
Compartilhe
Foto: Assembleia Legislativa
Cenovo realizou a última reunião em Guaraí; grupo pretende visitar mais quatro cidades em setembro

A Comissão Especial de Estudos para o Novo Ordenamento, Econômico, Administrativo Social e Político do Tocantins (Cenovo) reuniu-se ordinariamente nesta terça-feira, 12, e decidiu ampliar o prazo de funcionamento. Antes prevista para se encerrar no sábado, 16, a Cenovo tem agora até o dia 15 de outubro para concluir o relatório. Com a extensão, o colegiado também aprovou mais dois encontros regionais, um em Pedro Afonso e outro em Tocantinópolis, mas sob protestos da direção da Casa de Leis.

Presidente da Cenovo, o deputado estadual Paulo Mourão (PT) informou aos membros presentes - Valderez Castelo Branco (PP), Alan Barbiero (PSB) e Elenil da Penha (PMDB) - que solicitou à presidência da Assembleia Legislativa a realização de mais três encontros. Além de Pedro Afonso e Tocantinópolis, o grupo também pleiteava uma audiência em Augustinópolis. Porém, a direção da Casa de Leis comunicou a impossibilidade de organizar as reuniões por motivos de “contingenciamento financeiro”.

Como uma alternativa para garantir mais encontros, Paulo Mourão apresentou aos membros da Cenovo apenas audiências em Pedro Afonso, no dia 21 deste mês, e Tocantinópolis, no dia 22. Ambas iniciando às 15 horas. A proposta foi aprovada pela comissão. Questionado por Elenil da Penha se a programação dependia de um aval da direção da Assembleia Legislativa, o presidente do colegiado garantiu que os encontros vão acontecer com a ajuda da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e outros parceiros.

Os deputados ainda reservaram os dias 25 e 29 deste mês para Lagoa da Confusão e Aurora, respectivamente. Entretanto não foi confirmada na reunião desta terça-feira, 12, a ida da Cenovo para estas cidades. A Comissão Especial de Estudos para o Novo Ordenamento, Econômico, Administrativo Social e Político (Cenovo) já realizou reuniões em Palmas, Gurupi, Porto Nacional, Araguaína, Araguatins, Arraias, Dianópolis, Guaraí e Paraíso do Tocantins. Caso a programação pretendida por Mourão seja realizada, o grupo conseguirá passar por 13 municípios.

PPA e LDO
A previsão da Cenovo é que o relatório final seja apresentado no dia 15 de outubro em uma audiência em Palmas. O documento será encaminhado para os municípios e também ao governo do Estado para que a Secretaria de Planejamento do Tocantins (Seplan) possa subsidiar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e o Orçamento do ano que vem (LOA) um mês antes de apresentá-las à Assembleia Legislativa. Segundo a legislação, as matérias devem ser encaminhadas até o dia 15 de novembro.

Comentários

Redação: Palmas, Tocantins, Brasil, +55 (63) 9 9219.5340, +55 (63) 9 9216.9026, [email protected]
2005 - 2017 © Cleber Toledo • Política com credibilidade
ArtemSite Agência Digital