ct nov blue

Brejinho recebe projeto piloto do TCE para gestores trabalharem de forma legal e transparente

Prefeitura de Brejinho de Nazaré lança nesta terça-feira o Plano Estratégico do município como parte da comemoração de seus 59 anos

DA REDAÇÃO 13 de Nov de 2017 - 10h53, atualizado às 11h56
Compartilhe
Foto: Divulgação
Município  está localizado à margem esquerda do Rio Tocantins e à direita do córrego Brejinho

A Prefeitura de Brejinho de Nazaré lança nesta terça-feira, 14, o Plano Estratégico do município. A iniciativa é um projeto piloto do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que tem por objetivo orientar gestores públicos a trabalharem de forma legal e transparente, visando o desenvolvimento econômico-social. A solenidade faz parte da programação dos 59 anos de emancipação política da cidade e acontece a partir das 9h30, na Escola Wanda Ferreira Cunha.

O Plano Estratégico que será lançado é resultado de sete meses de trabalho, com oficinas supervisionadas pela 3ª Relatoria do Tribunal de Contas. Segundo a assessoria, a prefeita Miyuki Hyashida (PSDB), vereadores, servidores municipais, representantes do TCE, sociedade organizada e população em geral participaram destas audiências responsáveis por elaborar o texto do projeto. Nos encontros foram debatidos pontos fortes, fracos, necessidades, ameaças, até chegar ao modelo que será implantado.

Conforme o Tribunal de Contas do Tocantins, o Planejamento Estratégico de Brejinho de Nazaré poderá servir de pressuposto para o crescimento e desenvolvimento dos demais municípios, respeitando as devidas particularidades, uma vez que as necessidades de cada cidade são diferentes.
Responsável pela 3ª Relatoria do Tribunal de Contas e idealizador do projeto, o conselheiro José Wagner Praxedes comentou a escolha da cidade. “Queríamos um município pequeno para que o trabalho pudesse ser bem desenvolvido. No caso de Brejinho [de Nazaré], pesou também a experiência da prefeita Miyuki Hyashida na gestão pública e sua formação técnica”, explicou.

A 3ª Relatoria do Tribunal de Contas abrange 26 municípios da região sudeste. Todos os representantes dessas localidades estarão no lançamento do projeto piloto em Brejinho de Nazaré.

Miyuki Hyashida destacou a responsabilidade de gerir o município escolhido para receber o projeto piloto. “Ficamos surpreendidos de forma positiva pela escolha do TCE. Administrar com responsabilidade, de forma transparente e com parcerias públicas e privadas têm sido a saída para administrarmos um município pequeno, onde a principal fonte de recursos – o FPM [Fundo de Participação dos Municípios], é de apenas 0,6%”, informou a prefeita.

O Plano Estratégico de Brejinho de Nazaré foi elaborado para ser executado no período de 2017 a 2021. No documento estão estabelecidas as Ações a serem executadas pela atual gestão, a forma como serão realizadas e as metas a serem alcançadas.

Potencial para aquicultura
Dentro da área de influência do lago da Usina Hidrelétrica de Lajeado, Brejinho de Nazaré tem potencial para a aquicultura, geração de emprego e renda para a comunidade a partir da produção e comercialização de pescados.

Em janeiro, a prefeitura reativou o Parque Aquícola, formado por 22 áreas, de 3 hectares cada, onde foram instalados 27 tanques-redes. A produção já passou das três toneladas.

O parque beneficia 21 pequenos pescadores do município e suas famílias. Os beneficiários têm apoio técnico da prefeitura local, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) , do Banco do Brasil e do Banco da Amazônia.

Emancipação
Localizado na região central, a 120 quilômetros de Palmas, Brejinho de Nazaré é um dos menores municípios do Estado, com população de 5.499 moradores, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. A cidade está situada à margem esquerda do Rio Tocantins e à direita do córrego Brejinho que deu origem a seu nome. O início do povoamento é de meados do século XIX. (Com informações da assessoria da prefeitura e TCE)

Comentários

Redação: Palmas, Tocantins, Brasil, +55 (63) 9 9219.5340, +55 (63) 9 9216.9026, [email protected]
2005 - 2017 © Cleber Toledo • Política com credibilidade
ArtemSite Agência Digital