CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

PC investiga possíveis irregularidades em licitação de Dianópolis; prefeito se diz “surpreso” com ação

Operação Fragmentos apura possíveis irregularidades em processos licitatórios na gestão municipal

PC investiga possíveis irregularidades em licitação de Dianópolis; prefeito se diz “surpreso” com ação
5 (100%) 2 votos

A Polícia Civil do Tocantins deflagrou na manhã desta quarta-feira,13, a Operação Fragmentos, em Dianópolis. O objetivo da ação era identificar possíveis irregularidades em processos licitatórios na gestão municipal ocorridas no ano de 2017.

Cinco mandados de busca e apreensão foram cumpridos na sede do Paço, nas secretarias de Saúde, Educação, Assistência Social e em empresa que fornece sinal de internet.

“A partir de agora estaremos analisando os documentos. Com base nestas averiguações, estaremos deliberando sobre outros passos da operação”, afirmou o delegado Eduardo Nunes, responsável pelas investigações. Participaram da operação escrivães, agentes e peritos lotados na regional da Polícia Civil no município.

Os cumprimentos dos mandados de busca e apreensão encerraram nesta manhã e não houve prisões.

“Surpresa”
Em nota à imprensa, o prefeito Gleibson Moreira afirmou que ação “causou surpresa” porque o município “sempre se colocou à disposição dos órgãos fiscalizadores”. A prefeitura ainda afirma que já havia disponibilizado toda a documentação solicitada pela Polícia Civil anteriormente e reforça que todo processo de contratação do município estão relacionados e publicados no Sistema Integrado de Controle e Auditoria Pública (Sicap) do Tribunal de Contas.

Leia abaixo a íntegra da nota:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Sobre a ação da Polícia Civil, na Prefeitura de Dianópolis, realizada na manhã desta terça-feira, a Prefeitura esclarece que:

A Polícia Civil solicitou à Prefeitura de Dianópolis, documentação via ofício, referente aos serviços de contratação de internet prestados ao município no ano referente ao exercício de 2017, sendo prontamente atendida, tendo encaminhado ao órgão, toda documentação solicitada referente aos serviços da empresa Supercell;

A PC no seu papel institucional, nesta manhã, realizou serviço de busca dos referidos documentos, por intermédio de determinação judicial, na sede da Prefeitura;

A Prefeitura esclarece ainda que, todos as atividades de contratação de prestação de serviço, decorrem dentro do princípio da legalidade, como determina os princípios da administração pública;

Além disso, a Prefeitura de Dianópolis esclarece que, todos os processos de contratação ao município, estão relacionados e publicados no SICAP LO, com acesso a todo e qualquer cidadão;

O prefeito Padre Gleibson disse: “que é fundamental ações dessa natureza e que o município sempre se colocou à disposição dos órgãos fiscalizadores e lhe causou surpresa a investidura na manhã dessa quarta-feira a busca de documentos da Supracel, uma vez que foi protocolizado em 2018 junto a Polícia Civíl”.

Dianópolis, Tocantins 13 de Fevereiro de 2019″


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também