CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

EM OFF / Filipe Martins, enfim, consegue espaço no governo Wanderlei; Nilton nega que perdeu cargos em Almas, mas Goiany foi visto com lista na Seduc; membro da Comissão de Igualdade Racial da OAB questiona nomeação de loira para Igualdade Racial em Palmas

ENFIM, UM ESPAÇO PARA CHAMAR DE SEU

O deputado federal Filipe Martins (PL) conseguiu seu espaço no governo Wanderlei Barbosa (Republicanos) com a nomeação do pastor Jerônimo José dos Santos Júnior, do Ministério Madureira da Assembleia de Deus, como presidente da Agência de Metrologia, Avaliação da Conformidade, Inovação e Tecnologia (AEM), no lugar de Grazielly Oliveira, esposa do ex-deputado federal Osires Damaso, secretário da Governadoria. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado dessa terça-feira, 23. Até então Santos Júnior era secretário parlamentar do gabinete de Filipe.

NILTON NEGA, MAS…

O deputado estadual Nilton Franco (Republicanos) negou à coluna que o pré-candidato a prefeito e cunhado do governador Wanderlei Barbosa, o jornalista Goianyr Barbosa (Republicanos), passará a comandar os cargos do Estado em Almas. Cargos que até agora eram de Nilton e do prefeito Wagner Nepomuceno de Carvalho, o Vaguinho (MDB). A informação foi dada pela coluna nessa terça e até agora não desmentida oficialmente pelo Palácio. Ao contrário, fontes importantes a confirmaram. Inclusive, disseram que Goianyr estava nessa terça na Secretaria Estadual da Educação com uma lista nas mãos.

AMASTHA RESPONDE ATACANDO

(Foto: Bruno Peres/MCTIC)

O presidente regional do PSB, Carlos Amastha, respondeu atacando a nota do Coletivo Somos, que informou o convite de filiação do PT e disse ter rompido com a sigla do ex-prefeito de Palmas por ele ter se aliado à candidatura bolsonarista ao governo do Estado de Ronaldo Dimas (PL), em 2022. No Instagram, Amastha disparou: “Depois de pegar quase TREZENTOS E CINQUENTA MIL REAIS do Amastha e do PSB, fizeram [o Somos] um escândalo porque acharam que era pouco dinheiro. Procuraram a senadora Katia Abreu e endossaram apoio em troca de mais recursos. Perguntem se o dinheiro foi devolvido. #NaoMinto“, publicou o presidente do PSB.

DO FUNDO, NÃO DO AMASTHA

Em nota à coluna, a integrante do Somos Thamires Lima disse que, nas eleições de 2022, o coletivo utilizou recursos do Fundo Eleitoral, destinado por lei à campanha de mulheres e do PSB. “Esses recursos foram integralmente direcionados para fins eleitorais, incluindo o apoio à campanha de Lula, em conformidade com nossos princípios, sem respaldo a candidaturas bolsonaristas”, afirmou. “É importante ressaltar que o fundo eleitoral veio do nosso partido, não do Amastha. Tanto que a prestação de contas é feita à Justiça Eleitoral, não ao contador do ex-prefeito.”

CENTRALIZA NOS SEUS PROJETOS PESSOAIS

Segundo ela, “no cenário político, são conhecidas as posturas do presidente do partido, que, ao centralizar-se em seus projetos pessoais, ocasionou o desmantelamento de um grupo previamente sólido e bem-sucedido em feitos eleitorais”. “Ao criticar os recursos destinados a uma candidatura liderada por uma mulher, o presidente revela mais uma vez uma imaturidade política. Apesar do lamentável ataque, é comum no cenário político que mulheres enfrentem questionamentos desse tipo durante suas campanhas”, disse. Para Thamires, o Somos “permaneceu fiel ao partido nacionalmente e se dissociou estadualmente após sua aliança com o bolsonarismo”. “Os ataques do ex-prefeito não são novidade para gente, no meio político e nem para os palmenses. Já ocorreu com quem está no partido e sinaliza possíveis e futuras exposições com outros filiados e aspirantes a filiados do PSB”, afirmou.

DRA. ÂNGELA NA SECRETARIA DA MULHER

A diretora da  Faculdade de Ciências do Tocantins (Facit), Ângela Maria Silva, foi nomeada para a comandar a nova Secretaria Municipal Especial da Mulher pelo prefeito de Araguaína, Wagner Rodrigues (União Brasil). Doutora Ângela é suplente de deputada federal, muito próxima da senadora Dorinha Seabra Rezende e presidente do União Brasil na cidade.

OUTRO CARGO DO UNIÃO

O União Brasil tem outro cargo importante na gestão de Wagner desde novembro, a Agência Municipal de Segurança, Trânsito e Transporte (ASTT), cujo presidente é o policial militar da reserva Amarildo Fernandes da Silva, também próximo de Dorinha.

NÃO PODE SER NATURALIZADA

Membro da Comissão de Igualdade Racial do Conselho Federal da OAB, o advogado Cristian Ribas comentou à coluna a decisão da prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro (PSDB), de colocar a educadora loira Cleizenir Divina dos Santos para comandar a Secretaria Municipal de Políticas Sociais e Igualdade Racial. Segundo ele, “o Movimento Negro e aqueles que têm compromisso com o debate racial não podem naturalizar a escolha feita pela prefeita”.

ESCOLHA ARREVESADA

Ribas avaliou que “fica evidente que a escolha é arrevesada se colocarmos em perspectiva a questão de gênero”. “Nossa prefeita jamais nomearia um homem para uma Secretaria de Políticas Sociais e Mulheres. Por que então achar razoável uma pessoa branca à frente de uma Secretaria de Igualdade Racial?”, questionou.

NOVIDADE NA PRÉ-CAMPANHA DE BABAÇULÂNDIA

O pecuarista Ismael Brito tem aparecido como uma novidade na pré-campanha pela Prefeitura de Babaçulândia. Nascido e criado na cidade, ele disse em material divulgado por sua assessoria de imprensa que defende uma Babaçulândia que “ofereça mais oportunidades para os jovens realizarem seus sonhos”. Acredito no potencial do agronegócio como motor propulsor de nossa economia, e pretendo incentivar investimentos que gerem empregos e melhorem a qualidade de vida de todos os cidadãos”, afirmou o pré-candidato. Ele ressaltou ainda apostar no potencial de Babaçulândia para se consolidar como a Capital do Turismo do Tocantins.



COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também