CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Coligação de Bandeira pede impugnação dos dois adversários na suplementar de Lajeado

Coligação de Bandeira pede impugnação dos dois adversários na suplementar de Lajeado
5 (100%) 10 votos

A coligação Fé, Família e Trabalho, encabeçada por Júnior Bandeira (PSB), apresentou pedidos de impugnação contra as candidaturas das duas chapas adversárias na eleição suplementar de Lajeado, lideradas por Tércio Dias (PSD) e Antônio Alves (PSL).

Problemas com partido

Duas argumentações embasam o pedido da impugnação de Antônio Alves. A primeira sendo o próprio partido do cabeça de chapa. Segundo a ação, o postulante estaria filiado ao Patritoa, não ao PSL como informado à Justiça Eleitoral. O segundo ponto deve-se ao fato do PSDB – partido do candidato a vice-prefeito do grupo, Fábio Bezerra – não ter nenhum órgão de direção instituído no município.

Causador da suplementar

Quanto ao pedido de impugnação de Tércio Dias deve-se exclusivamente pelo fato dele ter sido o responsável pela necessidade de uma eleição suplementar em Lajeado, visto que foi ele o gestor pela Justiça Eleitoral. Apesar de não ter sido punido com a inelegibilidade, a ação afirma que a jurisprudência opina pelo impedimento de candidaturas que deram causa à renovação do pleito eleitoral.

Suplementar terá apenas uma chapa

Advogado da “Fé Família e Trabalho”, Leandro Manzano demonstrou confiança no sucesso das duas ações. “Na eleição suplementar de Lajeado marcada para o dia 1º de dezembro terá apenas uma chapa, isso pelo fato das impugnações protocolizadas em desfavor das outras duas concorrentes. Embora pudesse cogitar substituição de candidatos, conforme a regra insculpida na Lei 9.504 de 1997, não é mais possível, pois as eventuais substituições somente podem ser pleiteadas caso o pedido for apresentado até vinte dias antes do pleito”, disse em material enviado à imprensa.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também