CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Convocada, BRK diz à CPI de Miracema que vereadores teriam que buscar explicações em Palmas

Convocada, BRK diz à CPI de Miracema que vereadores teriam que buscar explicações em Palmas
5 (100%) 10 votos

A Câmara de Miracema instaurou há cerca de 20 dias uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para investigar o contrato da BRK Ambiental com o município. O presidente do Legislativo, Edilson Tavares (MDB), contou que a empresa fez um acordo com o ex-prefeito Moises da Sercon para obter a concessão. “Mas ela cumpriu 10% do acordo”, disse Tavares, em seu pronunciamento na reunião dos vereadores para discutir a situação da empresa na manhã desta sexta-feira, 28, na Capital.

Segundo ele, a CPI fez a convocação para que o representante da empresa fosse à Câmara prestar esclarecimentos, mas foi informada de que a BRK não compareceria. “Fizemos convocação da empresa, e ela disse que não tinha disponibilidade e que se os vereadores quisessem que viessem ao escritório de Palmas”, relatou Tavares.

Ele disse que a CPI não aceitou. “Não aceitamos tratar com empresa de forma individual. Queremos da forma como eles foram lá em Miracema buscar a concessão, discutiram com toda a comunidade de Miracema, não foi uma reunião fechada, mas aberta”, disse o presidente da Câmara.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também