CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

CPI da Câmara de Lajeado vai apurar supostos casos de funcionários fantasmas na administração de Tércio Dias

Cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em outubro do ano passado, o ex-prefeito Tércio Dias (PSD) agora é alvo de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara de Lajeado, batizada de Caça Fantasmas.

Funcionários fantasmas

Como o nome de batismo denuncia, a comissão quer apurar a possível existência de funcionários fantasmas na estrutura da Prefeitura de Lajeado durante a administração de Tércio Dias.

Objeto

A investigação tem como ponto de partida a indicação de três suspeitos que teriam recebido salários do Paço sem nunca prestarem serviço ao município. É citado que um deles recebeu vencimentos apesar de estar de licença por motivo particular, que não é remunerado. 

Leidiane diz que pediu inclusão da gestão Bandeira

A vereadora Leidiane Mota (PSC) contou ter sugerido que a comissão também apurasse a possibilidade de casos envolvendo a atual administração, do prefeito Júnior Bandeira (PSB). A parlamentar garante que “ficou acordado em sessão” que a gestão pessebista também seria investigada, mas, ao contrário do que foi dito anteriormente pela coluna, nenhum requerimento foi aprovado. Entretanto, a social cristã disse que o acordo ficou constado em ata.

Membros

Os blocos e partidos já foram notificados para indicar os membros da CPI. Vão compor a comissão os vereadores Edilson Mascarenhas (DEM), Leidiane Mota (PSC) e André Portilho (MDB).

  • Matéria atualizada às 20h23

COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também