CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Ministro da Infraestrutura defende edital de concessão da BR-153 e sugere uso de ágio para agilizar duplicação da rodovia no TO; bancada não aceita

Ouça a matéria

Em reunião com o coordenador da bancada federal do Estado, Tiago Dimas (SD), o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, defendeu a manutenção do edital de concessão da BR-153 entre Aliança do Tocantins e Anápolis (GO). O documento desprestigia o trecho no Tocantins em relação aos prazos de duplicação da rodovia, com 74,25% dele recebendo as obras a partir do 20º ano de contrato.

Ministro defende edital

O encontro aconteceu na tarde desta quarta-feira, 14, e foi uma iniciativa de Tiago Dimas. Conforme o próprio deputado expôs nas redes sociais, o ministro defendeu o edital da forma como foi elaborado. “Ponderou, explicou as razões do documento e nos apresentou uma alternativa”, revelou o coordenador da bancada tocantinense.

Alternativa

Tárcísio de Freitas apresentou um outro caminho para agilizar o prazo para duplicar os trechos do Estado. “Basicamente, a alternativa é o compromisso de aplicar a arrecadação de eventual ágio em obras de duplicação do trecho do Tocantins. Caso não haja ágio, o Ministério da Infraestrutura faria a obra com dinheiro público, colocando-a no Orçamento da União”, narrou Dimas.

Bancada discorda e quer garantia em edital

Tiago Dimas adiantou que a maioria da bancada não aceita a proposta por entender que “as garantias precisam ser documentadas dentro do edital”. Inclusive, o coordenador da bancada, a senadora Kátia Abreu (Progressistas) e os deputados Dorinha Seabra (DEM), Vicentinho Júnior (PL) e Eli Borges (SD) já apresentaram uma representação ao Tribunal de Contas da União (TCU) para suspender o leilão da BR-153, que acontece no dia 29

Leia as publicações do deputado Tiago Dimas:


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também