CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Secretários prestigiam lançamento do Aquilomba Brasil; programa deve ser lançado no Tocantins em 30 de novembro

Os titulares da Secretarias dos Povos Originários e Tradicionais (Sepot), Narubia Werreria; da Cidadania e Justiça (Seciju), Deusiano Pereira; e de Representação em Brasília (Serb), Carlos Manzini, participaram nesta terça-feira, 5, do lançamento do programa “Aquilomba Brasil”, com a presença da ministra da Igualdade Racial, Anielle Franco. No evento, os gestores buscaram apoio do governo federal para a implementação do projeto no Tocantins.

ENTENDA

O Programa Aquilomba Brasil é uma iniciativa do governo federal, desenvolvida pelo Ministério da Igualdade Racial, que visa a implementação de um conjunto de medidas intersetoriais voltadas à promoção dos direitos da população quilombola. A execução do programa é baseada em quatro eixos temáticos, que representam as áreas-chave nas quais as ações se concentram: acesso à terra; infraestrutura e qualidade de vida; inclusão produtiva e desenvolvimento local; e direitos e cidadania. 

AQUILOMBA NO TOCANTINS

A implementação do Programa Aquilomba Tocantins seguirá os quatro eixos temáticos já estabelecidos no programa nacional, adaptando-os ao contexto, necessidades e situações específicas das comunidades quilombolas no Estado. Durante a reunião, a Narubia Werreria apresentou a estrutura do projeto a ser implementado e estendeu um convite à ministra Anielle Franco para que ela participe do lançamento do Aquilomba Tocantins, marcado para 30 de novembro. 

APOIO

Narubia Werreria  ainda destacou que o governo do Tocantins está tratando as políticas públicas voltadas à comunidade quilombola de forma ampla na gestão. “Planejamos nos reunir com outras autoridades, tanto em Brasília quanto no Tocantins, que tenham condições de apoiar o Aquilomba Tocantins. Estamos organizando o evento em colaboração com a Secretaria de Cidadania e Justiça, tornando-o uma iniciativa conjunta para ampliar as nossas possibilidades de atuação”, afirmou. 

PARTICIPANTES

Uma equipe técnica da Sepot, acompanhou a secretária Narubia Werreira na reunião, quando tiveram a oportunidade de apresentar à ministra Annielle Franco informações e dados sobre diversas frentes de atuação em defesa da igualdade racial no Tocantins. Estavam presentes, a diretora de Proteção Quilombola, Ana Mumbuca; o superintendente de Direitos Humanos e Políticas de Drogas, Jessé Alves do Nascimento; o gerente de Planejamento de Recurso, Felipe Holanda; e o secretário-executivo do Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial, Chris Teixeira Madureira.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também