CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Câmara de Palmas vai extinguir taxa cobrada do contribuinte para datilografar guia de expediente

Câmara de Palmas vai extinguir taxa cobrada do contribuinte para datilografar guia de expediente
avaliar matéria

A Câmara de Vereadores de Palmas deve votar na terça-feira, 11, a extinção da taxa de expediente, que, apesar do advento da internet, ainda é cobrada — R$ 3,44 por contribuinte.

Era datilografada

No passado, se datilografava as guias de expediente, e esse serviço tinha que ser pago pelo palmense. Com toda modernidade, agora não faz qualquer sentido cobrar para alguém datilografar uma guia, serviço que nem existe mais.

Renúncia fiscal prevista

A base da Secretaria de Finanças tem 160 mil contribuintes, o que daria cerca de R$ 480 mil/ano de recolhimento dessa taxa. Conforme o Paço, a prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB), visando desonerar o cidadão de taxas e impostos, decidiu extinguir essa que está pra lá de ultrapassada. A perda dessa receita foi prevista no orçamento de 2020.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também