CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Ministro Sérgio Moro ameaça pedir demissão após Bolsonaro anunciar quer mudar comando da PF

Após o presidente Jair Bolsonaro informar que pretende trocar a diretoria-geral da Polícia Federal, atualmente ocupada por Maurício Valeixo, o ministro da Justiça, Sergio Moro, pediu ameaçou demissão de seu cargo nesta quinta-feira, 23. Conforme o jornal Folha de S.Paulo, Bolsonaro tenta reverter a decisão. A alteração na PF, comandada pelo escolhido de Moro, deve ocorrer nos próximos dias.

Segundo a publicação, essa mudança está sendo cogitada pelo presidente brasileiro desde o ano passado, porque Bolsonaro quer ter controle sobre a atuação da polícia.

De acordo com a imprensa brasileira, Moro, porém, vê na troca um ato extremo de desautorização, além de ser uma forma de proteger aliados de Bolsonaro atualmente na mira da PF.

A possibilidade de fazer a mudança acontece em meio ao andamento de um inquérito, aberto pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a pedido da procuradoria-geral da República, que tem como alvo deputados suspeitos de financiar as manifestações contra o Supremo e o Congresso.

Nas últimas semanas, protestos foram convocados em várias cidades para pedir um “novo AI-5”. Bolsonaro, inclusive, chegou a participar de um ato em Brasília.

  • Matéria atualizada às 16h24

COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também