CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.
governo-mobile-2

Câmara de Palmas aprova ajuda de custo e prêmio por assiduidade que devem gerar custo de R$ 456 mil neste final de ano

A Câmara de Palmas aprovou nesta terça-feira, 1º, um projeto de resolução que cria uma ajudad de custo (auxílio-paletó) e o auxílio-assiduidade, conhecido como 14º salário. O único vereador a se opor aos benefícios foi o vereador Tiago Andrino (PSB), que afirma que a aprovação vai gerar custos de R$ 24 mil por vaga neste fim de ano: R$ 456 mil.

Pauta ilegal

Após a aprovação, Tiago Andrino reclamou na Tribuna por não ter sido chamado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para debater a pauta. “Eu sou vereador até dia 31 de dezembro, tenho o direito de votar”, comentou. O pessebista pediu que seu voto contrário fosse registrado em ata e afirmou que o projeto dos vereadores é ilegal por descumprimento ao rito e disse estar “disposto” a acionar judicialmente.

Ausente

Andrino afirmou que o projeto foi votado às escuras e que “não é interesse do povo”. O parlamentar foi rebatido por diversos vereadores. Folha Filho (Patriota) disse que colega expôs um assunto que é desnecessário e que o parlamentar faltou a diversas sessões nos últimos dias e não acompanhou as pautas da Câmara.

(Por Elâine Jardim)


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também