CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Em Palmas, Doria recebe apoio de Cinthia para prévias do PSDB: “Voltará aqui como presidente do Brasil”, diz prefeita

O governador de São Paulo, João Doria, esteve em Palmas no sábado, 25, em campanha pelas prévias do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), do dia 21 de novembro, que definirá o candidato da sigla à presidência da República. Na ocasião, o tucano recebeu apoio da prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro (PSDB). Ainda estão na disputa pela indicação da sigla Eduardo Leite, que governa o Rio Grande do Sul; o senador cearense Tasso Jereissati e  Arthur Virgílio Neto, ex-prefeito de Manaus (AM).

Apoio da única prefeita de Capital

No evento realizado no auditório da Associação Tocantinense de Municípios (ATM), Cinthia Ribeiro fez questão de manifestar apoio à pretensão de João Doria de disputar o Palácio do Planalto em 2022 e lembrou do histórico de visitas do correligionário à Capital do Tocantins. “É uma honra imensa recebê-lo em Palmas. Você já esteve aqui como prefeito, volta como governador e quero vê-lo aqui muito em breve como candidato a presidente. E tenho convicção que voltará aqui como presidente eleito da República do Brasil”, afirmou a palmense.

Mulher na vaga de candidata à vice-presidência

Com o apoio anunciado de Cinthia Ribeiro, João Doria exaltou a participação feminina e de outros segmentos na política. “Quem olha nos olhos das mulheres não tem medo da verdade. No nosso governo as mulheres, os negros, a diversidade, todos os segmentos terão assento garantido e voz ativa”, disse o tucano. Atualmente, 64% dos cargos de comando do governo de São Paulo são ocupados por mulheres. O governador paulista ainda afirmou que, caso vença as prévias, pretende ter como vice uma mulher na disputa presidencial. 

Brasil só muda com investimento em educação

Já para a imprensa, João Doria elencou a educação como uma das prioridades do plano de governo para o País. “Só mudaremos o Brasil investindo na educação dos brasileiros e dos filhos dos brasileiros”, afirmou o tucano, que ressalta ter implantado 778 novas escolas de tempo integral em São Paulo, somando assim 1.855 unidades em que os estudantes frequentam durante 7 horas por dia. O governador também defendeu o investimento em turismo, lembrando do Jalapão, que passa por um processo de concessão. “É um patrimônio do Tocantins e do Brasil. E temos que incentivar o turismo como gerador de emprego e renda”, afirmou.

Gratidão por vacinas

A pandemia da Covid-19 também foi abordada no evento. Cinthia Ribeiro fez questão de destacar a atuação de João Doria, que investiu no imunizante produzido pelo Instituto Butantan em parceria com a Sinovac. “O negacionismo passou longe de Palmas. Somos a terceira capital do Brasil que melhor combate a pandemia, que melhor aplica a vacina. E hoje temos orgulho de receber aqui um homem dinâmico e corajoso que entendeu desde o início a importância de uma vacina, a importância da ciência. Temos uma dívida de gratidão e graças a você temos a Coronavac, que salvou milhões de brasileiros”, disse a palmense.

Protesto contra passaporte da vacina

Apesar do tom de defesa da vacinação contra a Covid-19, o evento foi alvo de um pequeno protesto de uma eleitora contra o chamado “passaporte da vacina”, que exige que a imunização contra a doença seja comprovada para que o cidadão possa ingressar em certos ambientes. Palmas cobra para eventos acima de 200 pessoas; São Paulo, para locais com público a partir de 500. João Doria reagiu à manifestação. “A senhora não é bem-vinda aqui, pode protestar lá fora. Aqui estão os democratas. Não é espaço para cloroquina, nem para xingamentos”, afirmou. [veja abaixo o vídeo]

Confira o protesto:


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também