CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Em Taquaruçu, Negreiros dispara contra Wanderlei: “Há 30 anos V. Exa. recebe votos e não faz nada”

Na capital por um dia em Taquaruçu, no sábado, 1º, houve um momento de tensão, quando um vereador da comunidade local, Major Negreiros (PSB), foi à tribuna para discursar na sessão solene da Câmara de Palmas. Adversário de Wanderlei Barbosa (PHS), Negreiros o criticou duramente, irritado com o discurso anterior do filho do vice-governador, o deputado estadual Léo Barbosa (SD), sobre o conserto da torre que leva o sinal de TV ao distrito. Wanderlei é um dos nomes cogitados para disputar a Prefeitura de Palmas no ano que vem e visto como possível principal adversário da prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB) em 2020.

“Pelas falas anteriores, a senhora [para a prefeita Cinthia] não tem feito nada por Taquaruçu. Tudo é o deputado Léo Barbosa que pediu. O sinal de televisão aqui de Taquaruçu, prefeita, não tem um real de emenda de ninguém. É dinheiro da prefeitura. Prefeita, eu não gosto de mentira. O povo de Taquaruçu não aguenta mais esse tipo de coisa, de vir aqui, num momento, falar, mentir e correr. Quem fez o sinal de TV aqui foi a prefeita Cinthia Ribeiro”, discursou Negreiros.

Tanto Léo quanto Wanderlei já haviam discursado e se retirado da sessão, na qual ainda estavam o irmão do vice-governador, o presidente da Câmara, Marilon Barbosa (PSB); e o pai dos dois, Fenelon Barbosa. A ausência de Wanderlei na hora do discurso incomodou Negreiros, segundo ele mesmo disse: “Estou incomodado porque eu queria ter falado com o vice-governador aqui, escutando, olhando para a cara dele e dizer por que há 30 anos Vossa Excelência recebe os votos do povo do Taquaruçu e não faz nada para cá? Foi vereador 20 anos e não conseguiu ampliar o posto de saúde.”

Conforme o vereador, o vice-governador saiu da sessão solene e foi para a casa dele, em Taquaruçu. “Porque não pode ficar no calor. Ele foi deputado estadual oito anos, passaram pelas mãos dele R$ 24 milhões, porque cada deputado tem R$ 3 milhões [de emendas] para destinar, e não destinou nenhum real para Palmas e nem um centavo para Taquaruçu”, disse Negreiros.

Para ele, o vice-governador “não ama” Palmas, nem Taquaruçu. “Porque não está cuidando da nossa cidade, não está cuidando de Taquaruçu. Não cuida, porque sabe que, fazendo alguma coisa ou não, aqui tem 800 votos em toda eleição, sobrevivendo em cima das obras de Fenelon Barbosa”, atacou, sobre o mandato do pai de Wanderlei, primeiro prefeito da Capital. “O que queremos aqui é resultado. O povo não aguenta ser mais enganado não. Ninguém aguenta mais blá-blá-blá, não”, afirmou o parlamentar.

Em defesa do irmão
Ao final do discurso de Negreiros, Marilon saiu em defesa do irmão. “Wanderlei tem 32 anos de mandato, construiu um instituto que atende milhares de pessoas, trabalha pela saúde dos necessitados, tem um trabalho social fantástico, tanto é que tem 32 anos de mandato”, afirmou o presidente da Câmara.

Segundo ele, o vice-governador tem uma equipe de dez pedreiros que construíram mais de 2 mil casas. “Isso significa trabalho social voltado para os menos favorecidos. Ele está como vice-governador por mérito. O Wanderlei tem trabalho e quando temos trabalho alcançamos nossos objetivos”, defendeu Marilon.

O CT fez contato com a assessoria do vice-governador e aguarda manifestação.

Assista o trecho do discurso em que Major Negreiros critica Wanderlei:


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também