CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Kátia Abreu diz que vídeo da reunião ministerial “não é conclusivo” e ironiza: “Moro, como promotor, é um ótimo juiz”

A senadora Kátia Abreu (Progressistas) participou no sábado, 23, de um debate na GloboNews sobre a reunião ministerial indicada por Sérgio Moro como possível prova de que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido)  interferiu na Polícia Federal. Na breve avaliação da tocantinense, as imagens ainda não são suficientes para por em cheque o governo federal.

Expectativa era de que seria o fim do mundo

Kátia Abreu admite que esperava um conteúdo mais forte diante da acusação, mas não enxergou nada que agravasse a situação de Jair Bolsonaro dentro do processo. “Criou-se uma expectativa provocada pelo próprio ex-ministro de que seria o fim do mundo. Do ponto de vista ético e moral, uma reunião com palavreado tão chulo e tão pesado é inadmissível por parte de pessoas tão importantes para o País. Mas do ponto de vista legal, ele não é conclusivo contra o presidente”, defende.

Como promotor, ótimo juiz

A senadora ainda ironiza a indicação de prova feita pelo ex-ministro da Justiça. “Eu brincaria que o Moro, como promotor, é um ótimo juiz, um bom julgador. Com relação às provas, acho que não foi feliz”, afirmou. Em outro trecho, Kátia Abreu argumenta que o que mais chamou a atenção foi o conteúdo do vídeo, ou a falta dele. “O pior daquela reunião foi a falta de foco. Qual o relatório daquela reunião? Para que foi? Qual a conclusão? Qual foi o checklist [lista de controle]. Existiu para que?”, questionou.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também