CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Líder do PDT diz que Kátia não será punida por votar favorável à reforma da Previdência: “No Senado é diferente”

Líder do PDT diz que Kátia não será punida por votar favorável à reforma da Previdência: “No Senado é diferente”
5 (100%) 17 votos

Ao contrário do que fez na Câmara, o PDT não vai punir a senadora Kátia Abreu por ter votado a favor da Reforma da Previdência no Senado. Foi o que disse o líder do partido na Casa, Weverton Rocha (MA).

Fora da frigideira

Ele afirmou ao site Congresso em Foco que Kátia não vai sofrer a mesma pressão imposta a deputados como Tabata Amaral (SP). “Ela não vai ser colocada na frigideira e não vai ser chamada a atenção como aconteceu na Câmara”, garantiu o líder do PDT no Senado.

Senador é ‘dono’ do mandato

Apesar da orientação da bancada para votar contra a reforma, Weverton Rocha argumentou que “o Senado é diferente da Câmara”, já que os senadores são os “donos” de seus mandatos e podem continuar na Casa mesmo se mudarem de partido. “E Kátia é um dos nossos grandes quadros”, pontuou o líder pedetista, dizendo que não vai julgá-la.

Vota a favor no 2º turno

Ao site Congresso em Foco, Kátia disse que votou de acordo com suas convicções. Ela ainda avisou que, por isso, está decidida a manter o voto favorável à reforma no segundo turno, mesmo que isso gere atritos no PDT. Se esperava tratamento diferente da sigla em relação aos pedetistas da Câmara, Kátia garantiu que não. “Decisão de partido é de partido”, afirmou.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também