CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Patriota muda comando, recebe ex-juiz Márlon Reis e se coloca para Cinthia como opção à crise tucana

Patriota muda comando, recebe ex-juiz Márlon Reis e se coloca para Cinthia como opção à crise tucana
5 (100%) 1 voto

O ex-juiz e advogado Márlon Reis e parte de seu grupo estão deixando a Rede Sustentabilidade, da sempre presidenciável Marina Silva, para ingressar no Patriotas, o ex-PEN (Partido Ecológico Nacional). Além disso, a nova sigla de Márlon está passando por uma reformulação no Tocantins, com troca de comando. O ex-deputado estadual Stálin Bucar assumiu a vice-presidência e entregou a presidência regional para o administrador Rogério Ramos, atual secretário de Finanças de Palmas.

Patriota aberto a Cinthia

As mudanças garantem uma alternativa viável para a candidatura à reeleição da prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, caso não vença a crise interna que se arrasta no PSDB desde antes de ela assumir o Paço. “Há um consenso no Patriota de que, se quiser, Cinthia poderá ser candidata à reeleição pelo partido”, garantiu Ramos, que já deixou o PSDB, partido do qual já foi presidente metropolitano, estadual e secretario-geral da executiva do Tocantins.

Em comum acordo

À Coluna do CT, o novo presidente regional do Patriota explicou que tem uma relação antiga com a direção nacional do partido. Ele lembrou que a tendência da maioria das legendas hoje é ver a presidência como um cargo “mais administrativo”. Por isso, a troca de comando no Tocantins foi pacífica e em comum acordo com Stálin, que vai se dedicar à sua pré-candidatura a prefeito de Miranorte, e outro importante dirigente da sigla, o ex-deputado estadual Sargento Aragão. 


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também