CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Acig se desfilia da Faciet e fala em “ausência de serviços”

Presidente da Acig, Adailton Fonseca, e o vice, Marcelo Dominici, assinam o ofício (Foto: Divulgação)
Acig se desfilia da Faciet e fala em “ausência de serviços”
5 (100%) 10 votos

Coluna do CT

Desfiliação comunicada

A Associação Comercial e Industrial de Gurupi (Acig) enviou ofício nessa quarta-feira, 15, comunicando sua desfiliação da Federação das Associações Comerciais do Estado (Faciet). O ofício é assinado pelo presidente, Adailton Fonseca, e pelo vice, Marcelo Dominici.

Ausência de serviços prestados e outras

Em nota, Fonseca afirma que são várias as razões levaram a entidade a tomar a decisão. “Entre elas, a ausência de serviços prestados, nenhuma presença física ou atuação em Gurupi, o custo financeiro injustificável de mensalidade, ausência de transparência nas ações da entidade e, principalmente, a discordância em relação a postura adotada pela Faciet”.

Imparcialidade política

Conforme o presidente da Acig, “o papel institucional de defesa da atividade econômica, deve ser exercido com firmeza e imparcialidade política, de forma a cobrar e alertar governos para a adoção de políticas públicas, que fortaleçam a nossa economia, contribuindo com o crescimento econômico e desenvolvimento social do nosso Estado”.

Decisão natural

Ainda conforme Fonseca, a desfiliação da Acig “foi discutida exaustivamente” e aprovada “por unanimidade em duas oportunidades”. “A decisão ocorreu de forma natural e com base coerente com nossos conceitos e princípios adotados na condução da Acig”, garantiu o presidente da associação.

Discorda da condução

Ao CT, Fonseca negou uma especulação de bastidor de que ele teria a intenção de judicializar a eleição da Faciet, que tem o atual presidente Fabiano do Vale como candidato à reeleição. “Não temos nenhuma intenção de judicializar a eleição, apenas discordamos da forma de condução da federação”, afirmou o presidente da Acig.

A eleição da Faciet será realizada no dia 30, em Palmas.

Com tranquilidade

A diretoria da Federação das Associações Comerciais e Industriais (Faciet) afirmou em nota que “avalia com tranquilidade” e como “parte do processo democrático” a desfiliação da Acig. A nota não comenta as críticas da associação gurupiense. Apenas diz que espera que, após as eleições, “os membros que devem tomar posse de imediato trabalhem em novas ações para fortalecer ainda mais a Faciet”.

Articulação de ações

Ainda na nota, a diretoria lembra que a Faciet é “a responsável pela articulação das principais ações e projetos de fomento a indústria, comércio e prestação de serviços, por meio das campanhas promocionais nos Dias das Mães, Dia dos Pais, Dias das Crianças e Natal, além das formações empresariais por meio do Empreender, entre outros”.

Confira a seguir a íntegra da nota da Faciet:

“Nota ao Portal CT

A diretoria da Federação das Associações Comerciais e Industriais (FACIET) avalia com tranquilidade e como parte do processo democrático a desfiliação da Associação Comercial e Industrial de Gurupi (ACIG).

Lembra que a diretoria da entidade é formada por presidentes de associação comerciais e industriais do Tocantins e que é a responsável pela articulação das principais ações e projetos de fomento a indústria, comércio e prestação de serviços, por meio das campanhas promocionais nos Dias das Mães, Dia dos Pais, Dias das Crianças e Natal, além das formações empresariais por meio do Empreender, entre outros.

A diretoria espera que após a eleição da entidade, prevista para o dia 30 de maio, os membros que devem tomar posse de imediato trabalhem em novas ações para fortalecer ainda mais a FACIET”.

Leia também