CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Com ponte interditada, Carlesse pede agilidade na liberação de empréstimo

Com ponte interditada, Carlesse pede agilidade na liberação de empréstimo
5 (100%) 2 votos

O governador Mauro Carlesse (PHS) esteve reunido na manhã desta terça-feira, 12, com a superintendente da Caixa Econômica Federal no Tocantins, Silvia Leandra Pelloso, e também com o gerente regional de relacionamento da instituição, Vandeir Ferreira, para tratar da atual situação da Ponte de Porto Nacional, interditada para tráfego de veículos, excetuando motos, ambulâncias e viaturas.

Carlesse demonstrou preocupação e apresentou aos executivos as ações de ajuste nas contas públicas que a atual gestão tem feito para recuperar a capacidade de investimento do Estado. “Expliquei a eles que a situação agora é ainda mais grave por causa da situação de interdição. Precisamos agilizar a liberação dos recursos para iniciar o mais rápido possível essa obra. A ponte atual oferece muito risco e não  podemos fazer o chamado ‘quebra-galho’, não podemos colocar vidas em jogo”, disse.

Confira tudo o que o CT publicou sobre a Ponte de Porto Nacional

O Estado tem empréstimo já aprovado pela Assembleia Legislativa para financiar uma nova ponte para Porto Nacional, mas os recursos estão travados porque o Estado precisa de melhorar nota na Secretaria do Tesouro Nacional (STN) e se enquadrar na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Segundo o governo, os executivos da Caixa Econômica Federal também manifestaram preocupação com a situação da ponte de Porto Nacional e apresentaram a nova representante da Caixa ao Governo do Estado, Maria da Graça Somavilla.

A partir de agora, a representante da Caixa vai atuar diretamente junto aos órgãos do governo, visando agilizar a tramitação de processos e a liberação de contratos e recursos. Além da ponte de Porto Nacional, o governador Mauro Carlesse também relatou a situação das obras paradas que precisam ser retomadas com brevidade.

“Estamos trabalhando para vencer esses entraves, cada obra tem um problema específico, mas esperamos que logo todas estarão em andamento e gerando empregos para nossa gente”, finalizou o governador.

Agenda em Brasília
Ainda em busca de recursos para o Estado e, principalmente para a construção da ponte de Porto Nacional, o governador cumpre agenda nesta quarta, 13, e quinta-feira, 14, em Brasília.

Na quarta-feira, Mauro Carlesse tem reunião com representantes do Banco Mundial e a noite participa de um jantar com a bancada federal. Na quinta-feira, às 11 horas, está prevista uma audiência com o ministro do desenvolvimento regional, Gustavo Henrique Rigodanz


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também