CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

HGP registra novo menor índice de ocupação após ação do MPE; unidade operou com 81% da capacidade nessa 2ª

HGP registra novo menor índice de ocupação após ação do MPE; unidade operou com 81% da capacidade nessa 2ª
5 (100%) 10 votos

A Secretaria da Saúde do Tocantins (Sesau) anunciou uma nova menor marca de ocupação na história do Hospital Geral de Palmas (HGP). A pasta afirma que nesta segunda-feira, 21, a unidade operou com 81% de sua capacidade de funcionamento. O recorde anterior foi alcançado há dois meses, quando chegou marca dos 84%, entretanto, o Ministério Público (MPE) constatou macas pelo corredor pouco tempo depois.

Altas

De acordo com o Sesau, o novo índice alcançado na segunda-feira, 21, foi resultado  das altas realizadas na unidade, que em um dia liberou 33 pacientes das especialidades de ortopedia, cardiologia, clínica médica, pneumologia, pediatria, bariátrica, cirurgia vascular, clínica cirúrgica, neurocirurgia, oncohematologia, psiquiatria e reumatologia.

Melhora do fluxo

Diretor do hospital, Leonardo Toledo, explanou as medidas que tem sido adotadas na gestão da unidade. “O HGP vem trabalhando para melhorar o fluxo, focando no atendimento do paciente e na resolução do diagnóstico para amenizar o tempo de permanência na unidade, o que nos proporciona atender mais pessoas em um menor espaço de tempo, sem perder a qualidade do atendimento”, destacou.

Esforço

O titular da Sesau, Edgar Tollini comemorou a marca. “Não temos medido esforços em proporcionar um atendimento célere, eficaz e digno aos pacientes atendidos em todas as unidades hospitalares geridas pelo Executivo Estadual. Estamos contentes com os resultados e empenho de todos os gestores e profissionais que atuam em nossos hospitais”, afirmou em material à imprensa.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também