CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Governador Carlesse realiza a entrega de máquinas pesadas a mais dez municípios

Realizar a manutenção das estradas vicinais para o escoamento adequado da produção e o tráfego do transporte escolar, e ainda, auxiliar produtores na construção de cacimbas no período de longa estiagem, são os destinos das retroescavadeiras e das pás carregadeiras entregues na manhã desta sexta-feira, 3. As máquinas foram entregues a mais dez prefeituras pelo governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse.

Para evitar aglomeração, a Gestão Estadual optou por fazer a entrega gradual do maquinário. Na manhã desta sexta-feira, foi a vez dos prefeitos de Barrolândia, Adriano Ribeiro; Miranorte, Carlinho da Nacional; São Sebastião do Tocantins, Professor Adriano; Xambioá, Patrícia Evelin; Aparecida do Rio Negro, Deusimar Amorim; Tocantínia, Manoel  Silvino; Guaraí, Professora Lires Ferneda; Pequizeiro, Dr. Paulinho; Jaú do Tocantins, Onassys Costa; e de Palmeirópolis, Fábio Vaz. Ao todo, 46 municípios já receberam o maquinário, mas todas as 139 cidades tocantinenses serão beneficiadas.

O governador Mauro Carlesse mais uma vez manifestou sua satisfação em poder contribuir com a melhoria da infraestrutura dos municípios. “Enquanto Governo me vejo na obrigação de apoiar todas as prefeituras, independentemente de partido ou visão política, isso é um governo municipalista. Isso porque eu entendo que o gestor não deve atrapalhar o desenvolvimento, pelo contrário, ele deve fomentá-lo. Máquinas como essas são necessárias para manutenção das estradas que são essenciais para escoar a produção, ainda mais em um Estado produtor como o nosso. Então, precisamos ajudar o produtor que está lá na ponta, produzindo e que precisa de boas condições para entregar seus produtos”, garantiu o governador Mauro Carlesse.

Destino das máquinas

O prefeito Manoel Silvino ressaltou que, em Tocantínia, há muito trabalho a ser feito, especialmente devido às peculiaridades do município. “Tocantínia é um município atípico, lá nós temos a comunidade indígena e os não indígenas. Temos 400 quilômetros de estradas vicinais, mais de 90 aldeias e sete assentamentos. Então é uma comunidade que precisa muito da assistência do município e do Governo do Estado. Eles vão receber essas máquinas para fazer cacimbas e manutenção das estradas para escoar suas produções. Estamos muito gratos ao governador Mauro Carlesse e à bancada do Tocantins. Tocantínia está mudando sua realidade, vai ter uma estrutura melhor para cuidar do nosso povo”, destacou.

A prefeita de Guaraí, Professora Lires Ferneda, destacou que as máquinas estão sendo aguardadas pelo segmento agropecuário que anseia por melhorias nas estradas vicinais. “Como prefeita, recebo diariamente pedidos para arrumar as estradas, para que haja um melhor escoamento da produção. Então, essas máquinas serão de grande valia, eles pagam impostos e têm o direito de receber essa manutenção de estradas. E uma das coisas que o homem do campo mais precisa é das estradas e das cacimbas, porque agora vem o período das secas, e nós vamos fazer cacimbas para que o gado tenha água para beber”, apontou, informando que as máquinas também serão usadas na manutenção de vias urbanas não pavimentadas e na melhoria das rotas escolares.

O prefeito de Miranorte, Carlinho da Nacional, parabenizou os parlamentares tocantinenses e a Gestão Estadual pela destinação de recursos mesmo em tempo de pandemia da Covid-19. “A gente não pode parar, tem que encarar a realidade do momento, seguir com o trabalho. Estamos com muitas obras, o Governo tem liberado recursos e nós estamos lá trabalhando. Quero parabenizar o Governo do Estado e a bancada federal que, mesmo nesse momento de pandemia, estão destinando emendas para os municípios”, agradeceu.

Sobre o destino das máquinas, o prefeito Carlinho da Nacional ressaltou que as mesmas serão essenciais na manutenção das estradas vicinais por onde os produtores escoam a produção. “As máquinas vão em muito ajudar na manutenção das estradas vicinais principalmente para escoar a produção de abacaxi, soja e milho, mas também para o pequeno produtor fazer uma cacimba, uma pequena represa”, finalizou.

Recursos

Os recursos para aquisição das máquinas são oriundos de emendas parlamentares da bancada federal tocantinense, da legislatura de 2015/2018. Ao todo, foram investidos R$ 68,6 milhões, sendo R$ 68,2 milhões de repasses da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), que é vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), e mais R$ 488 mil como contrapartida financeira do Estado.

Ainda nas próximas semanas, serão entregues mais 12 escavadeiras hidráulicas. Como houve um saldo do recurso, de R$ 8 milhões, será realizada ainda uma nova licitação para aquisição de mais equipamentos (os mesmos que foram adquiridos antes) juntamente com um guincho elétrico.

Somadas as 139 retroescavadeiras, 80 pás carregadeiras e 1 grupo gerador diesel, ao todo são 231 máquinas pesadas que beneficiarão os 139 municípios do Tocantins. (Da assessoria de imprensa)


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também