CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Morte de sargento em confronto com quadrilha de roubo a bancos causa comoção e mobiliza sociedade

Morte de sargento em confronto com quadrilha de roubo a bancos causa comoção e mobiliza sociedade
5 (100%) 10 votos

O velório e sepultamento do primeiro-sargento Deusdete Américo Furtado Gama realizado no sábado, 2, Dia de Finados, no Cemitério da Paz, em Palmas, mobilizou a população. Durante ação da divisão de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), o militar tocantinense de 53 anos acabou alvejado em confronto com uma quadrilha de roubo a bancos e carro-forte nas proximidades da cidade de Pequizeiro. Gama chegou a ser socorrido no Hospital de Araguacema, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Ele deixou esposa e quatro filhos. 

Luto oficial de três dias

A morte do primeiro-sargento Deusdete Américo Furtado Gama no exercício da função mobilizou a sociedade, que compareceu em grande quantidade para prestar as últimas homenagens ao militar. O governador Mauro Carlesse (DEM) decretou luto oficial de três dias. O presidente da Assembleia Legislativa, Antônio Andrade (PTB), também emitiu nota de pesar, bem como uma série de políticos tocantinenses.

Respeitado e admirado

Na nota de falecimento, o comandante-geral da Policia Militar exaltou a carreira do primeiro-sargento na corporação “Américo Gama ingressou na PM em março de 1992 como aluno soldado, sendo promovido à atual graduação em abril desde ano. Serviu a sociedade tocantinense nos Batalhões de Pedro Afonso, Miracema e Palmas, até ingressar no I Curso de Operações Rotam da PMTO, em 2008, sendo pioneiro da Rotam, pertencendo a esta tropa desde então, lotado na Companhia de Rotam, do Batalhão de Polícia de Choque, onde era considerado uma lenda viva, sendo respeitado e admirado por superiores, pares e subordinados”, anotou.

Leia abaixo as notas de pesar e de falecimento:

O Prefeito em exercício de Paraíso do Tocantins, Celso Morais e família, vem a público externar votos de pesar pelo falecimento do Sargento Deusdete Américo Furtado Gama, ocorrido na madrugada da última sexta-feira, 01 de novembro.

Neste momento, rogamos a Deus que dê conforto aos familiares e amigos enlutados por sua partida prematura e que deixará saudade, principalmente pelos relevantes serviços prestados a nossa comunidade tocantinense.


O presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, deputado Antonio Andrade, lamenta profundamente o falecimento do 1° SGT Deusdete Américo Gama, durante operação que acontecia nas proximidades de Pequizeiro, nesta sexta-feira, 1.

Neste momento de dor o presidente se solidariza com familiares, amigos e Polícia Militar rogando a Deus que conforte o coração de todos.

Ascom Dep. ANTONIO ANDRADE
Presidente da Assembleia Legislativa do TO


O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, decretou Luto Oficial em todo o Estado por três dias em função da morte do Primeiro Sargento da Polícia Militar do Tocantins (PMTO), Deusdete Américo Furtado Gama.

Sargento Deusdete morreu nesta sexta-feira, 1° de novembro, enquanto desempenhava suas funções em campo, em missão da Rotam, no Batalhão de Choque.

O decreto nº 6.009 será publicado no Diário Oficial de hoje, 1º de novembro de 2019.

Secretaria de Estado da Comunicação


A Polícia Militar do Tocantins lamenta, com pesar, o falecimento do 1º Sargento QPPM Deusdete Américo Gama, 53 anos, nesta sexta-feira, 01, nas proximidades da cidade de Pequizeiro. O policial militar estava em operação de buscas a quadrilha de roubo a bancos e carro-forte quando foi alvejado em confronto, sendo socorrido para o hospital de Araguacema, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Ela era casado, deixando esposa e quartro filhos.

Sargento Américo Gama ingressou na PM em março de 1992 como aluno Soldado, sendo promovido à atual graduação em abril desde ano. Serviu a sociedade tocantinense nos Batalhões de Pedro Afonso, Miracema e Palmas, até ingressar no I Curso de Operações Rotam da PMTO, em 2008, sendo pioneiro da Rotam, pertencendo a esta tropa desde então, lotado na Companhia de Rotam, do Batalhão de Polícia de Choque, onde era considerado uma lenda viva, sendo respeitado e admirado por superiores, pares e subordinados.

O Comando Geral da PM e toda a família policial militar do Estado do Tocantins lamenta profundamente a perda deste grande profissional e se solidariza com familiares e amigos, rogando a Deus que conforte o coração de todos, visto ser uma imensa perda institucional e para a sociedade tocantinense.

Palmas -TO, 01 de novembro de 2019.

Jaizon Veras Barbosa – CEL QOPM
Comandante Geral da PMTO

 


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também