CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Saldo positivo de novas vagas de emprego no Tocantins cresce 983,5% em fevereiro

Saldo positivo de novas vagas de emprego no Tocantins cresce 983,5% em fevereiro
5 (100%) 1 voto

Dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, nessa segunda-feira, 25, mostram que o Tocantins aumentou em 983,5% o saldo positivo de novas vagas (contratações menos demissões) criadas em fevereiro, comparando com o mesmo período de 2018.

O saldo de fevereiro deste ano foi de 1.116 novas vagas contra apenas 103 vagas no mesmo mês do ano passado. Este foi o melhor resultado para fevereiro desde 2014, quando o Tocantins criou 1.184 vagas de emprego.

No período, houve 6.474 admissões com carteiras assinadas, enquanto o total de desligamento foi de 5.358, gerando assim o saldo positivo de 1.116 vagas. Os setores que mais contribuíram para isso foi o de serviços (2.273 admissões), o de comércio (1.993 admissões) e o da agropecuária (1.033 admissões).

O resultado em todo o país na geração de emprego no mês de fevereiro também foi positivo. Segundo o Caged, o saldo de emprego formal chegou a 173.139 no último mês. Esse foi o maior saldo positivo para fevereiro desde 2014 (260.823).

Desemprego caiu
Mesmo diante de um ano atípico com vários processos eleitorais, o Tocantins foi um dos 18 Estados brasileiros que reduziu a taxa de desemprego em 2018, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad).

O Estado apresentou uma taxa de redução com saldo de aproximadamente 1,1%. Segundo a gerente do Observatório do Trabalho, Willany Bezerra Lira, os setores do Comércio e o de Serviços foram os que registraram maior número de admissões.

“Em 2018, fechamos com saldo positivo que alcançou 3.043 novos postos. Já nos saldos de admitidos conseguimos 72.631 admissões tendo um ano bastante satisfatório em relação a 2017”, afirmou Willany.

De acordo com a gerente, o governo vem desenvolvendo ações para fomentar esse crescimento oportunizando capacitação para os trabalhadores e auxílio para as empresas que utilizam do Sistema Nacional de Empregos (Sine).

“Buscamos sempre manter contato com os comerciantes para saber as suas necessidades de mão de obra e o perfil exigido. Dessa forma, temos como direcionar as nossas capacitações oferecidas ao público para que as vagas ora manifestadas, possam ser preenchidas”, destacou Willany.

As vagas oferecidas pelo Sine são de diversas áreas de conhecimento e podem ser consultadas pela internet por meio do aplicativo Sine Fácil, disponível para download gratuito no Google Play ou no site. Para se candidatar às vagas disponíveis, o interessado deve procurar uma das unidades de atendimento e deve estar em posse da carteira de identidade, CPF e Carteira de Trabalho com o número do Programa de Integração Social (PIS). (Com informações da assessoria)


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também