CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Para líderes empresariais, salário do servidor no dia 1º estimula compras e reforça fluxo de caixa das empresas

Para líderes empresariais, salário do servidor no dia 1º estimula compras e reforça fluxo de caixa das empresas
5 (100%) 10 votos

Com o retorno do pagamento da folha do funcionalismo estadual para o dia 1º de cada mês a partir de outubro, a Coluna do CT buscou conversar na tarde desta quinta-feira, 5, com líderes empresariais do Estado para levantar como o anúncio impactaria a economia do Tocantins. De forma unânime, todos os representantes da classe produtiva ouvidos projetam um impacto positivo no comércio e na indústria.

Salário no dia 1º ajuda empresário pagar própria folha

O presidente da Presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Tocantins (Faciet), Fabiano do Vale, disse que vê com “bons olhos” a volta do pagamento do salário do funcionalismo para o dia 1º de cada mês e aponta que decisão beneficia são só para o servidor, mas também as empresas. “Este dinheiro vai estar circulando no comércio até o dia 5, e um dos problemas do empresário é pagar sua própria folha. Isto faz melhorar o fluxo de caixa para pagar a folha da empresa  em dia”, argumentou o representante, que completou: “Torço para que continue”.

Bom sinal para economia

À frente da Associação Comercial e Industrial de Palmas (Acipa), Joseph Madeira disse receber “com entusiasmo” o anúncio do Estado. “Representa um grande estímulo para nossa economia o pagamento voltando a ser feito no dia 1º. Estimula o aumento das compras, o pagamento dos títulos, dos compromissos”, pontuou o empresário, que pontuou “outro aspecto importante. “Não podemos deixar de lado que é um claro sinal que a economia que o Estado está voltando a um nível de normalidade”, comentou o palmense, que defendeu as medidas de contenção do Executivo. “Vieram acompanhadas de algumas dores, mas sabíamos os resultados”, comemorou.

Tranquilidade para programar gastos

Presidente da Associação Comercial e Industrial de Gurupi (Acig), Adailton Fonseca comentou que a notícia, apesar de poder “ser considerado banal”, é uma conquista que “há muito tempo” o funcionalismo buscava. O representante também vê a medida benéfica para o comércio. “Não vai mudar o volume de recursos, o importante na nossa visão são as obrigações de médio e longo prazos. Dá uma tranquilidade para o servidor se programar, terá a certeza de pagar as contas com tranquilidade”, disse o empresário, que parabenizou o governo estadual.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também