CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Estado vê mais agilidade no BRB para ter os R$ 150 milhões para Ponte de Porto Nacional e pede autorização da AL

A Assembleia Legislativa do Tocantins recebeu na segunda-feira, 4, um Projeto de Lei do governador Mauro Carlesse (DEM) que solicita a autorização para contratar operação de crédito de R$ 150 milhões com o Banco de Brasília (BRB) para a construção da nova ponte de Porto Nacional. O Palácio Araguaia já tinha recebido o aval dos deputados estaduais para angariar os recursos com a Caixa Econômica Federal (CEF), mas pendências impedem a negociação de avançar.

Oportunidade mais ágil

Por meio da Secretaria de Comunicação Social (Secom), o governador disse que não desistiu de obter as operações de crédito com a CEF, porém encontrou no BRB uma “oportunidade mais ágil” para conseguir a liberação dos recursos. “Diante do agravamento econômico provocado pela pandemia do novo coronavírus, é urgente que o Estado faça tudo que estiver ao seu alcance para ser o motor que proporcione a geração de emprego e renda à população. A obra da ponte de Porto Nacional, além dos seus inúmeros benefícios, nos ajudará nisso”, afirmou Mauro Carlesse.

Aproximação

Em fevereiro deste ano, o governador Mauro Carlesse juntamente com o governador do Distrito Federal (DF), Ibaneis Rocha, negociaram a instalação de agências do BRB no Tocantins. Na ocasião, eles debateram a liberação de uma linha de crédito para empréstimo ao Tocantins no valor de R$ 1 bilhão para investimentos em infraestrutura no Estado. O presidente da instituição, Paulo Henrique Costa, demonstrou-se favorável à liberação de recursos, já que o Estado possui contas equilibradas, capacidade de adquirir novos empréstimos e de pagamento.

Obra iniciada com recursos próprios

Segundo o Executivo, as obras da nova ponte de Porto Nacional já foram iniciadas com recursos próprios do Estado. A nova ponte faz parte do programa “Governo Municipalista”, que prevê a complementação da infraestrutura do Estado com construções em todos os 139 municípios.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também