CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Justiça Militar acata denúncia do MPM e tocantinense preso com cocaína em avião da FAB vira réu

Justiça Militar acata denúncia do MPM e tocantinense preso com cocaína em avião da FAB vira réu
avaliar matéria

Titular 2ª Auditoria da 11ª Circunscrição Judiciária Militar (11ª CJM), o juiz Frederico Magno de Melo Veras recebeu a denúncia oferecida pelo Ministério Público Militar (MPM) contra o segundo-sargento da Força Aérea Brasileira (FAB), Manoel Silva Rodrigues, preso com 39 quilos de cocaína na Espanha, enquanto acompanhava a comitiva do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para o Japão. Ele é acusado de tráfico internacional de drogas. A informação é do jornalista Fausto Macedo, do Estadão.

Crime militar por extensão

O crime de tráfico internacional de drogas não estar previsto no Código Penal Militar (CPM), mas o juiz entende que o caso se enquadra na hipótese de crime de natureza militar por extensão, já que se trata de um militar em situação de atividade que supostamente atentou contra a ordem administrativa militar. Está marcado para o dia 21 de maio, às 14 horas, a inquirição das testemunhas arroladas pelo Ministério Público Militar.

Tocantinense

Manoel Silva Rodrigues tem laços no Tocantins. A família do militar reside em Xambioá e ele viveu por lá durante todo o ensino básico – fundamental e médio.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também