CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Tocantins será o principal cenário de outro filme, “Tudo errado”, de Paulo Halm

Tocantins será o principal cenário de outro filme, “Tudo errado”, de Paulo Halm
5 (100%) 11 votos

Araguaína recebeu na noite da quarta-feira, 5, a visita do renomado diretor e roteirista Paulo Halm. Durante encontro com a imprensa e patrocinadores, realizado na sede do Grupo Artpalco, Halm falou sobre a produção do filme Tudo errado, que terá o Tocantins como cenário principal e poderá ter cenas produzidas em Araguaína.

Halm veio conhecer a região com o objetivo de selecionar possíveis locações para o longa-metragem. “A gente sabe que a produção será feita em várias locações no Estado e fica na torcida para que Araguaína seja o cenário principal”, comentou o prefeito Ronaldo Dimas, presente no evento.

Halm com o prefeito Ronaldo Dimas (Foto: Leila Mel)

No roteiro, os principais temas do universo adolescente, como relacionamento familiar, sexualidade, perspectivas, sonhos, ambições, frustrações e amadurecimento. Tudo errado traz a história de uma adolescente que, após descobrir que está grávida, resolve fugir de casa, pedindo carona na estrada. É dessa forma que ela vem parar no Tocantins, onde vive um processo de autoconhecimento”, disse o diretor.

Apoio logístico
No dia 3, Halm já havia visitado o presidente da Agência do Desenvolvimento da Cultura e Economia Criativa, Tom Lyra, acompanhado das produtoras do Tapioca Cine, Kécia Ferreira e Carmen Reis. O encontro teve como objetivo buscar apoio logístico do governo para o filme de longa metragem Tudo Errado, que será produzido em 2020.

A realização do filme é resultado de uma parceria entre a produtora tocantinense Tapioca Cine e a Canhota Filmes, produtora de Paulo e Liara Castro. As gravações do filme estão previstas para junho do próximo ano. Segundo Kécia Fereira, o filme estava planejado para ser filmado no Jalapão, porém, após a novela O Outro Lado do Paraíso, a produção decidiu explorar outras regiões do Estado.

O longa-metragem Tudo Errado recebeu patrocínio da empresa tocantinense Nosso Lar em 2017 e ainda busca patrocinadores por meio de incentivos fiscais previstos na Lei do Audiovisual. Em 2018, o filme também foi contemplado com um aporte de R$ 1 milhão na Chamada Pública BRDE/FSA Fluxo Contínuo Produção Para Cinema 2018.

Tom Lyra, da Adetuc, recebe o diretor Paulo Halm (Foto: Emerson Silva/Secom Tocantins)

Longa
Para o presidente da Adetuc, Tom Lyra, o filme é uma forma eficaz de se divulgar as riquezas naturais e culturais das regiões do Tocantins. “Tanto as novelas gravadas aqui, quanto eventos esportivos, realitys, além de filmes trazem resultados positivos para o Estado, o que gera um aumento significativo de turistas no Estado, influenciados por essas produções”, considerou, ressaltando que esses projetos também contribuem com a geração de emprego e renda para as comunidades locais.

No encontro, Tom Lyra garantiu que apresentará o projeto do longa metragem ao governador Mauro Carlesse (DEM), a fim de viabilizar o apoio necessário para a produção do filme, além de intermediar parcerias junto a iniciativa privada.

Segundo o diretor do filme, Paulo Halm, o encontro com o governo do Estado, por meio da Adetuc, foi bastante promissor por perceber uma sinergia de percepção de como a cultura e um produto audiovisual pode gerar o desenvolvimento socioeconômico da região. “Nossa intenção é trazer o mínimo de pessoas de fora e trabalhar com os talentos locais. A ideia é mostrar cenários dos atrativos que ainda não foram explorados em outras produções artísticas”, disse.

Paulo ficou no Estado até sexta-feira, 7, para conhecer as locações do filme. A protagonista será a atriz global Bella Piero. No elenco, além de Bella, já estão confirmados Nelson Ferreira e Marco Ricca.

Paulo Halm
O diretor é também autor, juntamente com Rosane Svartman, da próxima novela das 19 horas, Bonsucesso, prevista para ir ao ar no segundo semestre de 2019 na Rede Globo. O folhetim conta com Grazi Massafera como protagonista. “A novela vai consumir todo meu tempo em 2019, então preciso de tempo para me familiarizar com as locações”, ressalta.

Paulo Halm é diretor e roteirista de cinema e TV e autor de novelas. Contratado pela Rede Globo, escreveu em parceria com Rosane Svartman a novela Totalmente Demais, recente sucesso da emissora.

A dupla também assinou a autoria da Malhação Sonhos. Escreveu o argumento e é diretor da série Esta noite Encarnarei no teu Corpinho (em fase de comercialização), do filme Histórias de amor duram apenas 90 minutos e do longa documentário Hijab, Mulheres de véu, e das curtas e médias metragens Psw-uma história subversiva, Biu, Bela e Galhofeira, Retrato do Artista com um 38 na mão e Resto é silêncio, com premiações em festivais nacionais e internacionais.

Como roteirista escreveu diversos longas-metragem de sucesso no cinema nacional como Pequeno dicionário amoroso I e II, Amores Possíveis, Cazuza – o tempo não para, Casa da mãe Joana 1 e 2, Mauá, Quem matou Pixote?, Antes que o mundo acabe, Dois Perdidos Numa Noite Suja, com o qual ganhou Prêmio da Academia Brasileira de Letras; Olhos Azuis, Guerra de Canudos, entre outros. (Com informações da assessoria)


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também