CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Sisepe cobra da Casa Civil progressões verticais e horizontais no Diário Oficial do Estado

0
Sisepe cobra da Casa Civil progressões verticais e horizontais no Diário Oficial do Estado
5 (100%) 1 voto

O governo do Estado voltou a ser oficiado pelo Sindicato dos Servidores Públicos do Tocantins (Sisepe) na quinta-feira, 12, para que publique no Diário Oficial, com urgência, as listas que tratam das progressões verticais e horizontais. O alvo do documento é o  secretário-chefe da Casa Civil, Rolf Costa Vidal, que está com a listagem de funcionários aptos desde 25 de junho.

Diante da demora, o Sisepe requer à Casa Civil que publique os atos das comissões para dar uma satisfação aos servidores públicos. O presidente em exercício do sindicato, Milton Rocha, explica que essas listas trazem as progressões em atrasos de 2008 a 2017.

Para o sindicalista, a publicação no Diário Oficial seria um reconhecimento de uma demanda antiga dos servidores estaduais. “As progressões não é um benefício a mais aos servidores públicos, mas sim um direito que não vem sendo cumprido pelo governo estadual com as categorias”, comenta.

Milton Rocha acrescenta que a publicação não gera custo financeiro ao governo, pois ainda é uma primeira etapa. O efeito financeiro das progressões depende de outro ato do governo para incluir na folha de pagamento. O presidente ainda lembra que o Sisepe já procurou o governo para discutir a publicação desta lista da evolução funcional dos servidores do Quadro Geral, do Naturatins e do Ruraltins.

O CT acionou o governo do Estado para se manifestar sobre a publicação da lista de aptos, mas não obteve resposta.

Entenda
As leis que tratam dos planos de carreira dos servidores públicos, no caso em discussão do Quadro Geral (lei 2.669/2012), do Quadro de Profissionais de Extensão Rural (lei 2.806/2013) e do Quadro de Profissionais de Análise, Inspeção e Fiscalização Ambiental (lei 2.807/2013), definem que as comissões de Gestão, Enquadramento e Evolução Funcional devem encaminhar mensalmente à Secad o relatório dessas evoluções, com os aptos e inaptos à progressão, para publicação no Diário Oficial do Estado. Tal relatório é oriundo de listas encaminhadas pela própria Secad, para validação ou não pelas comissões. (Com informações do Sisepe)


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também