CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

EDUARDO KÜMMEL / Ser pai hoje em dia é tarefa de herói

Tenho três filhos em etapas e fases totalmente diferentes e digo para vocês – cada vez mais temos de ser super pai-herói.

No meu tempo de criança a palavra respeito aos pais era única, era nosso esteio e exemplo de conduta, sempre em busca da nossa independência com responsabilidade e força de vontade e, assim, casando e saindo de casa para construir a nossa família. Mas os tempos mudam e com ele mudam-se hábitos, ideias, sentimentos, e, principalmente ideologia e personalidade.

O Brasil hoje é o exemplo de como a grande maioria da população pensa pequeno, vive fechada em seu mundinho, resignada, esperando o futuro acontecer. O que estamos fazendo para mudar essa realidade?

EDUARDO KÜMMEL É advogado

Hoje vejo que os aplicativos de internet como WhatsApp, Facebook, e-mails, Instagram, Telegram, Twitter tornaram o jovem, digamos, mais globalizado com novas ideias e ideologias, mas menos preocupado com o futuro. Falta ambição, iniciativas mais fortes e decisivas, melhor dizendo, somos carentes de líderes e exemplos de vida.

O lema de uma parte dessa juventude é viver o hoje, o depois será o depois, não importando o futuro – é como se a vida girasse somente ao seu redor, que o sol irá brilhar sempre, que o mundo será lindo. Porém, não estão percebendo que o mundo lá fora é cruel e que se não aprendermos com os nossos pais, o mundo nos cobrará em dobro.

O Brasil hoje é o exemplo de como a grande maioria da população pensa pequeno, vive fechada em seu mundinho, resignada, esperando o futuro acontecer. O que estamos fazendo para mudar essa realidade? O que estamos ensinando aos nossos filhos sobre patriotismo? Infelizmente, me parece que nada.

Estamos tão desmotivados que não respeitamos mais nossos símbolos nacionais, por exemplo. Esta desmotivação e descrédito nos custará muito caro, pois faltam líderes e não existe o incentivo ao sentimento de patriotismo em nossos jovens, que deveria ser estimulado desde a educação básica.

Estive nos Estados Unidos e me impressionei com o patriotismo deles, por onde passei lá estava a sua bandeira. É emocionante ver o amor que eles têm pelo seu país. Aí vocês irão me dizer que nos Estados Unidos não existe violência, que não há corrupção, que é um país desenvolvido.  Pois bem, continuo afirmando que grande parte do povo brasileiro não pactua com tudo isso que está acontecendo e está indignado. Falta mostrar isto para nossos políticos e para nossos jovens, pois o Brasil é um lugar maravilhoso para criarmos nossos filhos, mas cabe a cada um de nós lutarmos com dignidade por nossa terra.

Temos de fazer o nosso papel em nossa cidade, cortar a raiz de tudo que está errado, daquilo que não queremos mais e, ainda, que cada um faça a sua parte para mudar a realidade.

Seremos guiados por nossos ideais, nunca esquecendo que o futuro de nosso país deve ser defendido agora ou certamente não teremos futuro, não teremos jovens líderes, a corrupção e a podridão farão parte de um amanhã sem volta. Viva o Brasil, viva o povo brasileiro! Viva o futuro dos nossos filhos!


EDUARDO KÜMMEL
É advogado e diretor da Kümmel & Kümmel Advogados Associados
eduardo.kummel@kummeladvogados.com.br


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: redacao@clebertoledo.com.br

Leia também