CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

Para amenizar impactos da crise, Estado distribui 200 mil cestas básicas a famílias e 157 mil kits de alimentos a estudantes

Para amenizar impactos da crise, Estado distribui 200 mil cestas básicas a famílias e 157 mil kits de alimentos a estudantes
avaliar matéria

Diante da situação de calamidade pública por causa da pandemia de coronavírus, o governo estadual prepara a distribuição de 200 mil cestas básicas para pessoas que se encontram em condição de risco ou de vulnerabilidade social e a entrega de outros 157 mil kits de alimentos para estudantes da rede estadual de ensino, que tiveram suas aulas suspensas no dia 16 de março. O Palácio Araguaia afirma que os recursos utilizados para as compras foram economizados com as medidas fiscais adotadas pela gestão.

Beneficiados

Referente à distribuição das cestas básicas, o governo está atuando por meio dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), nos 139 municípios. São beneficiadas pessoas que se encontram em situação de risco, desalojadas e desabrigadas, nas regiões do Bico do Papagaio, norte e central do Tocantins. E, também, às famílias e os indivíduos que vivem em situação de vulnerabilidade social ou que tiveram a sua renda comprometida em razão dos efeitos econômicos causados pelo o novo coronavírus, como idosos, vendedores ambulantes, reassentados, assentados, hortifrutigranjeiros e feirantes.

Rede de ensino

Já os mais de 157 mil kits de alimentos vão contemplar todos os alunos matriculados na rede estadual de ensino do Estado. A distribuição iniciou na última quinta-feira, 26, na região sul, em Aliança. Cada aluno tem direito a receber um kit, que deverá ser retirado na escola onde ele é matriculado, pelo pai, mãe ou responsável caso seja menor, ou pelo próprio estudante, quando maior de idade. As demais orientações estão disponíveis no site da Secretaria da Educação.


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também