CLEBER TOLEDO
Atender a sociedade com um espaço de comunicação apartidário, focado na cidadania e comprometido com o desenvolvimento regional.

MPE quer que farmácias de Palmas façam testes rápidos para a Covid-19

O Ministério Público do Tocantins (MPTO) quer que farmácias e drogarias de Palmas possam fazer, em caráter temporário e excepcional, testes rápidos (ensaios imunocromatográficos) para a Covid-19. Para isso, uma recomendação foi expedida nessa segunda-feira, 25, para a Vigilância Sanitária Estadual (Visa) para a normatização e autorização.

Regras da Anvisa

Para isso, a , defendeu que os testes rápidos devem ser realizados em conformidade com os requisitos técnicos de segurança estabelecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), adotando as medidas sanitárias estabelecidas, para que não se tornem foco de disseminação do novo coronavírus.

Só o farmacêutico

Assim, os estabelecimentos farmacêuticos devem providenciar local isolado e identificado para realização dos testes rápidos da Covid-19, com fluxo diferenciado do restante do estabelecimento. Somente o profissional farmacêutico poderá realizar o teste e decidir pela viabilidade de sua aplicação.

Só sintomáticas

A promotora ainda orienta que os estabelecimentos não façam comercialização e uso indiscriminado das testagens. Isso por causa da alta probabilidade de atestar um falso negativo se utilizados incorretamente. Ela defendeu que apenas as pessoas sintomáticas ou que apresentaram sintomas devem realizar o teste rápido. (Com informações da Ascom do MPE)


COMENTÁRIOS

Os comentários nas matérias do CT devem ser postados nas redes sociais pelos links:
https://www.facebook.com/PortalCT
https://Twitter.com/PortalCT
Contato com a Redação: [email protected]

Leia também